ARTISTA

DJ TABU

Videos

Release

Mateus Miranda Ribeiro, natural de Porto Alegre (RS) é produtor musical, DJ, produtor cultural e e agitador da cena de música eletrônica de baile underground no Brasil. DJ desde 2010, Criador da label ZONAexp, focada em unir estéticas de música eletrônica periférica do mundo com o funk brasileiro criando uma estética nova muito apreciada nos bailes brasileiros e nos clubs mundo afora. Produziu em 2019 o primeiro Álbum da artista Saskia, contemplada pelo natura musical desse ano. Já produziu trilhas sonoras para séries de tv, vinhetas, temas e batidas para mc's. Hoje faz apresentações solo e também produz conjuntamente e acompanha em shos a artista Saskia, em um show-performance híbrido, experimental. Hip hop, drum 'n bass, funk, samba em uma mistura ácida.

Currículo / Repertório

Mateus começou sua trajetória na música ainda no colégio, juntando-se a grupos de rap, rock e pagode , sem limitações pessoais sobre estilos. Em 2010 começa a integrar uma cena de festas gratuitas de rua, produzindo algumas festas independentes e tocando vários estilos de música brasileira nos eventos. Durante as trocas entre coletivos da cidade de Porto Alegre entrou em contato com a cultura Soundsystem, cultura jamaicana de festas de rua ligada à filosofia rasta e que coloca o DJ em posição central. A partir dessa conexão começa a tocar estilos de música eletrônica como drum n bass, dubstep entre outros estilos da diáspora da música eletrônica. Em 2016 funda a label ZONAexp para lançar as faixas de estilos híbridos que os artistas da cena produzem. A label tem um reconhecimento grande e gera renda para uma rede de 16 artistas periféricos espalhades pelo Brasil. Em 2016 ainda produziu a trilha sonora da série para televisão "ruas em transe" que contava com um episódio sobre o coletivo "ARRUAÇA", do qual é membro. Já em 2019 é chamado para produzir o primeiro álbum de estúdio da artista SASKIA, de Torres, RS e que conheceu quando ela se mudou para Porto Alegre. Se trata de um álbum de incursões de muitos estilos com participações fantásticas como o baterista de Jazz Norueguês Paal Nilsen Love, o poeta, artista plástico e músico Carlos Eduardo (Tantão - Tantão e os fita/ Black Future), o rapper Edgar e teve direcionamento artístico por Negro Léo e Ava Rocha. Foi lançado pelo selo carioca QTV, e levou para shows de lançamento no CCSP, SIM São Paulo, Festival Coquetel Molotov(Recife), Mamba Negra (Rio de Janeiro) e Espaço Agulha (Porto Alegre, RS).